@lafajunior

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Lilith



Lilith (ou Lilit) é um demónio feminino da mitologia Babilónica que habitava lugares desertos. Esta é referida em diversos textos antigos sendo o mais notável o Antigo Testamento.
Lilith é também referida na Cabala como a primeira mulher do bíblico Adão, sendo que em uma passagem (Patai81:455f) ela é acusada de ser a serpente que levou Eva a comer o fruto proibido. Esta afirmação, no entanto, surge apenas, pela primeira vez, no Talmude Babilónico composto por volta do Século VI, sendo que nunca antes havido existido esta conexão a Adão e Eva nem tão pouco à Criação.
Mais recentemente, esta história, tem sido cada vez mais adoptada sendo até discutida se é ou não contada na Bíblia. Porém, além da passagem referida abaixo, esta não é mais referida.

Mitologia Mesopotâmica

Ela é também associada a um demônio feminino da noite que originou na antiga Mesopotâmia. Era associada ao vento e, pensava-se, por isso, que ela era portadora de mal-estares, doenças e mesmo da morte. Porém algumas vezes ela se utilizaria da água como uma espécie de portal para o seu mundo. Também nas escrituras hebraicas (Talmud e Midrash) ela é referida como uma espécie de demônio.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Os babilônicos eram povos negros (hebreus, persas, sumérios, fenícios...),só se misturam com o europeus (homem branco) em 300 A.C (antes de Cristo) com a invasão dos macedônios liderados por Alexandre Magnos(Grande) e depois com o Império Romano.
    Mas a descrição de Lilith é de mulher de pele clara (branca) e cabelos soltos e negros, por tanto pelo fato dos babilônios serem um povo negro ele é um negra aço(de pele branca)!

    ResponderExcluir